quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Dumbland, de David Lynch

Acho que já podemos começar o o blog com um post um tanto quanto inusitado, já que pelo que eu estou ouvindo o filme da vez é "Interestelar" do Nolan.

Dumbland é uma web série de 2002 dirigida, produzida, escrita por David Lynch (inclusive, ele também faz todas as vozes). Uma animação mega tosca, diga-se de passagem, feita apenas com o Flash.

A série é dividida em 8 episódios, e mostra o cotidiano de um homem (que ao longo da série não nos é dito seu nome, mas no site do Lynch, seu nome é Randy), sua esposa, uma mulher notoriamente com distúrbios mentais e seu filho, que tem uma voz fininha e irritante.

Tudo tem um humor muito agressivo, definitivamente uma marca do Lynch, onde Randy se encontra em situações completamente absurdas, de cenas escatológicas até piadas com peido (sim, piadas de peido) o que na minha opinião torna a coisa toda muito mais engraçada. O próprio definiu a série como "cruel, estúpida, violenta e absurda", então já dá pra você ter uma ideia da coisa.
Os traços da animação remetem a um trabalho feito anteriormente por Lynch para o jornal Los Angeles Reader ao longo dos anos 80/ início dos 90, o The Angriest Dog in the World.


Somando os 8 episódios, a duração da série é de aproximadamente 30 minutos, bem "fácil" de ver.
Vale a pena pra quem gosta de coisas absurdas, pra quem quer ver Lynch numa plataforma diferente, e é claro, os amantes do diretor.

Ou poderia me estender mais aqui, mas não há muito a ser dito. Apenas vejam!
Se você quiser sugerir um filme, não se acanhe, coloque nos comentários :)

E aqui me despeço de vocês! Auf Wiedersehen e até o próximo delírio :)